Estudantes Brasileiros na CN

Brazilian Students in CN < ROCHA JULIO CESAR

Nome:
Roberson Lucas Popadiuk
Universidade no Brasil:
Faculdade de Tecnologia de Ourinhos, Ourinhos University of Technology
Nome da universidadechinesa:
Beijing Institute of Technology
Profissão:
Curso de Bacharelado em Sistemas e Tecnologia da Informação

Estudar fora de seu país, é com certeza, uma das maiores experiências que qualquer estudante pode ter, conhecendo novas culturas, criando novas amizades e oportunidades. Então vou compartilhar um pouco da minha experiência acadêmica na China pelo programa Ciência sem Fronteiras.


No Brasil eu estudo Análise de Sistemas e Tecnologia da Informação, e aqui na China, estou estudando Ciência da Computação.  A maior parte do conteúdo ensinado nas aulas é parecido com as aulas do Brasil, porém algumas disciplinas abordam conteúdos extremamente diferentes. Estudar Tecnologia da Informação com um olhar chinês, em uma sala majoritariamente de alunos chineses foi talvez o meu maior desafio. O jeito chinês de ensinar, envolvimento dos alunos nas atividades e especialmente a quantidade gigante de tarefas para casa, pode se dizer com certeza que é totalmente diferente do Brasil. Todo esse diferencial com certeza mudou a minha vida, a forma de encarar problemas e claro o enriquecimento cultural.


Um dos maiores diferenciais da minha universidade chinesa em comparação com a faculdade do Brasil foram os recursos e infraestrutura oferecida: laboratórios de alto nível, onde podíamos lidar com equipamentos de realidade virtual e impressoras 3d, laboratórios de simulação etc. Ainda eram oferecidas diariamente aulas de mandarim com professores extremamente competentes.


Minha faculdade chinesa recebe todos os semestres muitos alunos estrangeiros de todas as partes do mundo, ena convivência diária com esses estudantes pude aprender muito sobre novas culturas e religião.


O intercambio vai muito além de aprender uma outra língua, é uma fase de aprendizado cultural e acadêmico. Os meus dois anos na China foi muito produtivo e venturoso, ainda pude fazer muitos amigos chineses e de outros países.


Já visitei muitos países, mas se tem se tem um lugar quem aprendi muito foi com certeza foi a China. Durante os dois anos de intercambio, conheci e fiz muitos amigos Chineses que desde o início me ajudaram e ensinaram muitas coisas.  O que mais pude aprender com os chineses foi a palavra ‘nuli’ que significa força e nunca desistir dos seus ideais, e que o ‘meiyoubanfa’ (sem solução) sempre tem um ‘banfa’ (solução). Os chineses como todos sabem, são um povo que tem o direito de reclamar de muitas coisas devido as dificuldades que muitos encaram diariamente, porem aprendi com eles que não é porque está difícil que vamos parar e sim dar o nosso melhor. Talvez o que eu mais aprendi com os chineses durante os meus estudos, foi a força de superação, enfrentando uma cultura e língua extremamente diferente.




TodososdireitosautoraisreservadosaoComissãoNacional de Gestão de Bolsa de EstudosEstrangeiros,Pequim ICP registro 05031040-1
Endereço da unidade: RuaCheGongzhuang No. 9, Prédio A3, 13º andar, Pequim. CEP: 100044
SegurançaPública de Site de Pequim No. 110402430016 Se tiverqualquerdúvidaousugestão, por favor contacteconoscopelo email: webmaster@csc.ed.cn